Manual dos Noivos Desesperados – Capítulo 1 - Por onde começar?

16 março Lila Martins 6 Comentarios


Olá gente! Eu como já devem saber sou casada há um ano, o que pouca gente sabe é que organizei meu casamento em apenas 3 meses! Claro que foi uma festa super simples, eu convidei cerca de 60 pessoas apenas, mas foi tudo organizado na maior correria mesmo.
Em conversa com uma amiga, estava contando algumas das coisas com as quais economizei no meu casamento e ela me incentivou a criar uma serie aqui no blog e compartilhar um pouco dessa experiência, com outras noivas que querem ter seu dia especial, mas que não contam com uma conta bancária gorda, eu por exemplo gastei cerca de R$ 3.500,00 apenas com tudo!
Então se ficou interessada fica comigo que vou contar um pouco da minha experiência e você pode ir se inspirando e adaptando conforme seu gosto e necessidade.
Vou tentar postar toda semana ou a cada 15 dias, pra ajudar as noivinhas de plantão.
Hoje pra começar vou falar do ponto de partida.
A primeira coisa que você deve ter em mente quando decide se casar é onde, quando e como, ou seja, escolher  o local onde vai ser a cerimônia e recepção, isso irá depender muito do que você tem em mente, eu por exemplo decidi fazer a cerimônia na igreja e a recepção optei por um restaurante. Eu casei na igreja católica e para isso, precisava saber quanto tempo leva o processo de matrimônio na igreja, ao contrário do que se pensa não é apenas marcar, existe toda uma questão burocrática por traz. Para o casamento religioso, é preciso no mínimo um mês de antecedência da data estabelecida, porque é criado um processo de matrimônio, serão necessários vários documentos como certidão de batismo, curso de noivos, identidades e outros documentos, cada paróquia poderá  informar certinho esses documentos, as datas desse curso de noivos e os prazos para que não se percam. Caso você não seja católico basta correr atrás da coordenação da sua igreja e ver o que é preciso para o casamento.
Igreja Nossa Senhora de Fátima - Itajaí/SC 
Depois é preciso ver em qual igreja vai ser a cerimônia e já reservar para a data, algumas igrejas podem cobrar uma taxa de reserva que pode variar, assim como o padre ou diácono que irá presidir a cerimônia então é importante ver esses detalhes com o máximo de antecedência.
Restaurante O Mineiro - Itajaí/SC
Depois de ter uma data e uma igreja é preciso começar a esboçar a lista de convidados para cotar a recepção. Eu escolhi um restaurante que conheço, de comida mineira bem caseira da mãe de uma amiga minha, por sempre almoçar lá e conhecer os donos consegui um desconto bem legal, então essa é primeira dica, escolha um lugar com boa comida ou um salão que comporte os convidados e um bom buffet, se tudo der errado ainda pode optar por um coquetel, é simples e elegante para quem não quer gastar horrores em uma festa, pode escolher um lugar bonito e economizar comprando apenas doces e salgadinhos para uma recepção mais amena.

É interessante dar entrada nos trâmites legais também, o processo de casamento no cartório deve ser iniciado com no mínimo um mês de antecedência, então quando começar as correrias com a igreja já aproveita o embalo e dá entrada no cartório também.
Após ter, data, igreja e local da recepção definidos, já pode começar a pensar no convite de casamento que será o próximo post do Manual!

Beijos espero que tenham gostado, acompanhem a série e até a próxima, não deixem de comentar com as dúvidas e sugestões para que eu possa ir escrevendo um manual realmente útil!


Gostou? Assine para receber todas as novidades!

* indicates required

6 comentários:

  1. Eu nunca na minha vida conseguiria organizar uma festa de casamento em 3 meses. Eu levei 1 ano e 9 meses preparando tudo. Alias, esse foi o tempo q levei pra pagar e ir contratando os serviços. Começar a pensar em festa foi uns 2 anos antes da data. Kkkkk
    Eu tenho pavor de correria, preciso deixar uma margem segura pra consertar oq sair errado, pq alguma coisa sempre dá errado. Rs
    Mas nos moldes q vc fez, acho q 3 meses foi bem tranquilo, ne?

    Na minha opinião, definir a data e o estilonde festa são os primeiros pontos a serem definidos.
    Sucesso com a nova série do blog. Bjs

    http://fluxoconstante2.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Errado é pouco! Kkkkk meu casamento foi uma batalha! Foi pouco tempo pra planejar e muita coisa desandou e tive que dar aquela contornada, mas no fim deu tudo certo! Obrigada pela visita flor! Volte sempre!!!!

      Excluir
  2. Eu fiquei tão pasma quando vc falou pq gastei isso na minha festa de formatura só para ir eu e meus 10 convidados, e a organização durou cerca de 3 anos, acredito que um casamento deve ser muito mais difícil de organizar, já que tem apenas os noivos para fazer o trabalho, na formatura tem muitos formandos para ajudar. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Mi a minha formatura ia sair 2800,00 e eu achei extremamente caro justamente por isso! Eu tive algumas ajudas, mas tive muito boicote, foi tenso e não do nenhum casamento de princesa, justamente pela limitação financeira, tive que me contentar com coisas q eu não queria abrir mão só porque queria muito me casar, apesar de tudo valeu a pena foi simples mas cumpriu o papel!

      Excluir
  3. Oooi! Tudo bem?

    Meu Deus flor, se eu já tinha admirado sua capacidade de fazer o casamento com esse orçamento, saber que foi tudo organizado em 3 meses me fez ficar realmente chocada. Acho que vou te contratar como organizadora pro meu viu, você faz milagres! A questão do lugar é bem clara pra mim: quero me casar ao ar livre. Tem uma igreja aqui na minha cidade que faz casamentos tanto dentro quando no jardim, que é num lugar alto com vista para o mar. Minha prima casou lá e fiquei encantada. Se meu noivo fizer questão de casar em igreja, vou procurar alguma assim. Mas eu não faço questão não, na verdade adoraria casar na fazendinha do meu avô. É um lugar lindo, com muitas flores, tem um lago e é mega romântico. É de longe meu lugar preferido nesse mundo então acho que seria perfeito. E aí poderíamos fazer a recepção lá mesmo, colocar mesas do lado de fora e pronto. Até porque não quero nada grande não, é pra ser mais íntimo mesmo. Ah, e tenho que dizer o quanto eu amei seu vestido <3

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda! Li teu comentário tem dias já, mas como era sempre do celular não respondia, desculpa...
      Sim eu sou ninja nas horas vagas, na verdade o casamento era pra ter sido dia 17/01 de 2015, mas adiantamos ele 20 dias pra 27/12 de 2014 por causa do padre que é meu primo e o tempo recorde foi mais recorde ainda! kkkkkk
      Eu acho a sua ideia ótima, ao ar livre é incrível, uma amiga minha fez na Epagri aqui em Itajaí que é tipo um centro de pesquisas ambientais, é um lugar enorme, com lagoa, muito verde, muitas plantas, lindo mesmo! Pra essa tua ideia vais amar minha lembrancinha, combinaria muito com a tua recepção, mas calma que mais pra frente eu chego lá!
      Bjus flor, volte sempre!

      Excluir