Cachorros...

11 setembro Lila Martins 0 Comentarios




Bendito sejam os animais, por sua simplicidade, por sua capacidade de amar incondicionalmente, sem nada pedir em troca, sem nunca reclamar. O mundo seria um lugar mais agradável se as pessoas soubessem amar como os cachorros, o coração deles não guarda mágoas, nem nada de nocivo, é limpo, pleno e verdadeiro, não importa se você foi grosso ou se até mesmo o ignorou por dias, ele ainda vai te amar e te esperar, com o rabinho balançando e vai se alegrar ao te ver, vai andar atrás de você discretamente, mesmo que você ralhe com ele ou o enxote, ele sempre vai te amar, sempre que puder vai te acordar com uma lambida e quando estiver com sono vai dormir perto de você, ele sim te ama com tudo que tem, e acredita que você o ama do mesmo jeito desprendido que ele, acredita que  você nunca vai deixar nada de ruim acontecer com ele, e mesmo se acontecer vai achar que não foi sua culpa, ele vai lamber sua mão depois que você lhe der uma chinelada, e vai voltar a ser seu amigo quando a sua raiva passar, ele vai te acompanhar sempre, até o fim da vida e até se você morrer ele ainda vai te esperar, como se você tivesse ido ali comprar pão, ele sente sua falta quando você não está e se você tiver o coração tão duro ao ponto de abandoná-lo numa rua escura tarde da noite, ele ainda vai acreditar que você voltará pra buscá-lo, e se você voltar depois de anos que for, ele ainda vai te amar do mesmo jeito, porque ele é um puro e doce animal, que pode ser até chamado de "irracional", mas que pode te ensinar mais coisas sobre nobreza e lealdade do que qualquer ser humano nesse mundo... Ame seu cachorro, por mais que você o ame, nunca poderá retribuir todo amor que ele lhe dedica, mas pode ao menos valorizar que ele é a melhor coisa que você terá na vida.

Nota: Me emocionei escrevendo...
Texto de                   
 

0 Comentários: